22 de out de 2012

OS APLAUSOS POR UM PAPEL BEM DESEMPENHADO

Artigo publicado no jornal FOLHA DE LONDRINA, em 22/10/2012, na coluna ABRAHAM SHAPIRO, em Empregos e Concursos.


ABRAHAM SHAPIRO


Qual é o seu papel? Na vida, na família, no trabalho...
A palavra papel é de uso comum. É uma metáfora advinda da dramaturgia e significa a parte assumida por um ator em uma peça teatral.
No dia a dia, o seu papel, em linhas gerais, pode ser entendido como uma expectativa que as pessoas têm em relação a você e ao seu desempenho.
É claro que, se várias pessoas tiverem diferentes expectativas a seu respeito, você poderá viver um conflito de papéis. Isto é um dos mais comuns choques psicológicos dos dias de hoje – motivo de separações, frustrações e até tragédias pessoais.
Você e eu esperamos que as pessoas atuem dentro de seus papéis onde elas estiverem: na vida pessoal, na sociedade, na profissão, seja o prefeito, o rabino, o professor,  a esposa, o marido etc.
Imagine, por exemplo, que um policial pare o seu carro numa rodovia. Ao se aproximar, quando você já preparou o documento do veículo e a sua carteira de habilitação, ele pergunta: “Você conhece aquela piada do português?”. O que você sentiria?
Qualquer indivíduo não se divertiria nem um pouco – por mais que gostasse de piadas.  É que este policial não desempenhou seu papel profissional. A atitude que ele tomou está dissonante em relação ao que você espera dele.
Muito bem. E qual é o seu papel? No trabalho você o desempenha como se espera? Tem consciência disso? Ou você se perde em comportamentos que deixam as pessoas confusas como o motorista naquela cena com policial de trânsito?
Busque entender e definir o seu papel, especialmente se ainda tiver dúvidas sobre ele. Tenha clareza sobre isto. Se faltam dados, vá atrás, pesquise. Só não fique com as suas próprias conclusões. O motivo é básico.  O que você acha, pode estar distante demais daquilo que todos esperam. E os aplausos pelo perfeito desempenho de um papel, assim como no teatro, dependem da platéia!
______________________ 

Abraham Shapiro é consultor e coach de líderes. Sua filosofia de trabalho, em uma só palavra, é simplicidade. É autor do livro "Torta de Chocolate não Mata a Fome - Inspirações para a Vida, o Trabalho e os Relacionamentos", Editora nVersos, 2012. Contatos: shapiro@shapiro.com.br ou (43) 8814 1473