26 de nov de 2012

O FUTURO FINANCEIRO DOS SEUS FILHOS

Artigo publicado no jornal FOLHA DE LONDRINA, em 26/11/2012, na coluna ABRAHAM SHAPIRO, em Empregos e Concursos.


ABRAHAM SHAPIRO


A palavra “exemplo” nos remete sempre à moral, à ética e à religiosidade. Mas tudo na vida tem uma relação intensa e extensa com exemplos. Educação de filhos em especial.
Como será a sociedade no futuro se hoje os pais envolvem seus filhos de corpo e alma em seus hábitos de consumo sem nenhum limite entre o 'eu quero' e o 'eu preciso'?    
Um estudo realizado no Reino Unido mostrou que as crianças britânicas de 10 anos conhecem de trezentas a quatrocentas marcas famosas. Isto representa  mais de vinte vezes o número de espécies de aves que elas sabem.
Até pouco tempo atrás, a idade média em que uma criança pedia para que o pai comprasse algo era dois anos e oito meses. Hoje já é dois anos e três meses. E vai cair mais. A razão é que o modelo de família atual enfatiza o consumo. Finais de semana de compras no shopping  em vez de passear e brincar  com as crianças não é algo inconsequente.
No Brasil, 51% dos pais tomam a decisão de compra depois de ouvir a opinião dos filhos, enquanto 49% afirmam que decidem juntos com eles. Dos pais que compram automóveis 60% dizem que foram influenciados pelos filhos.
Não é errado as crianças participarem das decisões de consumo. Mas deixá-las determinar uma compra e terem sempre tudo o que querem pode gerar problemas graves, já que consumo desenfreado não satisfaz, além de não ensinar a estabelecer prioridades na vida.
Uma oportunidade fantástica está passando em branco neste cenário. Mais do que ouvir a opinião das crianças, seria importante que os pais aproveitassem esses momentos para educá-las financeiramente.
A propaganda é avassaladora, e o capitalismo cruel. Mas enquanto isso, há famílias que conseguem sucesso na educação baseada em princípios, e não na obtenção de bens.
O que é mais importante: ter ou ser?
Nenhuma influência externa é páreo para o exemplo dos pais. Eu digo sempre –  e confirmo  na minha própria vida – que nunca consegui ensinar efetivamente nada do que desejei a meus filhos. Porém, eu os vi fazendo quase tudo o que eles me viram fazer.
______________________ 

Abraham Shapiro é consultor e coach de líderes. Sua filosofia de trabalho, em uma só palavra, é simplicidade. É autor do livro "Torta de Chocolate não Mata a Fome - Inspirações para a Vida, o Trabalho e os Relacionamentos", Editora nVersos, 2012. Contatos: shapiro@shapiro.com.br ou (43) 8814 1473